Mutirão na Aldeia Tekoá Aguapeú (Mongaguá) para co-construção de aquecedores solares de baixo custo, biodigestor que produz gás de cozinha e minhocário, com a participação das famílias da etnia Guarani M’bya. A tecnociência solidária e afetiva é uma forma de constituir inovação, tecnologia e ciência baseadas nos valores de solidariedade, aumento da resiliência e mitigação dos efeitos das mudanças climáticas.

Em uma semana dá para fazer gás por 3 dias para uma família de 4 pessoas. O aquecedor solar será usado para banho e água de cozinha. A aldeia tem 20 famílias da etnia Guarani M’bya e fica em Mongaguá, no Território Indigna Piaçaguera, que conversa com o objeto de estudo do TCC de Gabriel Jorge.

Há ainda a ideia de se realizar o turismo de base comunitária com base na vivência da aleia, utilizando as tecnologias aplicadas no projeto. O biodigestor e o aquecedor solar de baixo custo terão ainda seus manuais traduzidos para o guarany e divulgados amplamente, e duram cerca de 15 anos.

Tag(s): #Desenvolvidos

Visão geral

Login

Cadastrar-se

Os registros estão atualmente desativados.

Senha esquecida

Compartilhar